Menu

Portal FOP - Unicamp

Av. Limeira, 901 - Bairro Areião
CEP: 13414-903 - Piracicaba - SP

.

Congresso Destaque

Congresso

Alunos do Ensino Médio das Escolas Paulistas de Piracicaba participam de congresso na FOP

A Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP) da Unicamp promoveu, entre os dias 12 e 14 de julho, o VI Congresso de Iniciação Científica e Encontro Estadual de Cultura e Pesquisa dos Alunos do Ensino Médio das Escolas Paulistas de Piracicaba. A programação do evento foi composta por palestras e exposição dos trabalhos desenvolvidos nas escolas da rede pública estadual e na FOP.

O evento foi dividido em duas fases: a primeira, serviu de treinamento para os alunos do programa que desenvolveram trabalhos com temas variados relacionados a saúde durante o segundo semestre de 2016 e o primeiro semestre de 2017, para apresentarem no Congresso Estudantil da Unicamp, que acontece em outubro. O evento também teve o propósito de marcar o encerramento das atividades dessa turma. No dia 2 de agosto, os alunos participarão do encerramento oficial da turma concluinte e o início de um novo grupo, no auditório da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp.

De acordo com o professor Miguel Morano Junior, responsável pelo programa na FOP, a atividade é importante, uma vez que podem fazer uma avaliação do que aprenderam nesse período em que estiveram na FOP, conhecer o trabalho dos outros colegas e serem avaliados por uma equipe de professores para corrigir as possíveis distorções que possam aparecer.

As palestras foram ministradas pelos professores: Fábio Bragança, diretor do Arquivo da Câmara Municipal de Piracicaba, que falou sobre o tema: “O jovem como protagonista da história”; o professor Antonio Wilson Sallum, docente da FOP, debateu sobre a temática: “A pesquisa, suas fases e aplicabilidade em situações futuras” e a doutora Lauriza Cortelazzi, médica hebiatra do Serviço Público Municipal de Piracicaba, debateu sobre o tema: “Da infância a adolescência”.

Cortelazzi procurou mostrar para os alunos o quanto são importantes na sua vida, no trabalho, quanto tem de realizações a serem conquistadas como pessoas, independente de etnia. Também buscou desmistificar a sexualidade que é resumida apenas no órgão genital. “Meu propósito foi o de mostrar que a sexualidade é uma força de vida que está com a gente eternamente. Acredito que essa é a maior mensagem que podemos dar para o ser humano: o quanto são importantes, o quanto são valorosos e que já nasceram vencedores”, disse.

Os projetos foram desenvolvidos nas seguintes escolas: Pedro Crem Filho Professor, Avelina Palma Losso, João Guidotti, Carolina Mendes Thame, Professor Hélio Penteado de Castro, Professor Elias de Mello Ayres, Doutor Alfredo Cardoso, Pedro Moraes Cavalcanti, Juracy Neves de Mello Ferracciu, Doutor João Conceição, Professor Attilio Vidal Lafrata, Barão do Rio Branco, Edson Rontani, Professor Doutor João Chiarini, Doutor Samuel de Castro Neves, Professor Hélio Nehring, Professora Catharina Casale Padovani, Professora Olivia Bianco, Doutor Luiz Gonzaga de Campos Toledo e Professor José Martins de Toledo.

Áreas envolvidas nos projetos e respectivos responsáveis: Odontopediatria, Profa. Fernanda Pascon; Ortodontia, Profa. Vânia Célia Vieira de Siqueira e Prof. João Sarmento; Microbiologia, Profs. Francisco Hofling e Rafael Stipp; Fisologia, Profa. Fernanda Klein; Patologia, Prof. Jacks Jorge Junior; Odontologia Social, Profa. Dagmar de Paula Queluz; Psicologia, Profa. Luciane Guerra e Profa. Rosana Possobon; Odontologia Preventiva e Saúde Pública, Profs. Marcelo de Castro Menheghin e Antônio Carlos Pereira; Anatomia, Profs. Ana Cláudia Rossi e Paulo Cária; Endodontia, Profa. Brenda Paula Figueiredo Gomes e Odontologia Legal, Prof. Luiz Francesquini Junior.

voltar ao topo